sábado, 24 de dezembro de 2011

Hoje é a Noite de Consoada - Feliz Natal



Encontrei aqui:

Origem do Natal

Universal, abrangente, calorosa ­ assim é a festa de Natal, que envolve a todos. Uma das mais coloridas celebrações da humanidade, é a maior festa da cristandade, da civilização surgida do cristianismo no Ocidente. Época em que toda a fantasia é permitida. Não há quem consiga ignorar a data por mais que conteste a importação norte-americana nos simbolismos: neve, Papai Noel vestido com roupa de lã e botas, castanhas, trenós, renas.

Até os antinatalinos acabam em concessões, um presentinho aqui, outro acolá. Uma estrelinha de belém na porta de casa, uma luzinha, um mimo para marcar a celebração da vida, que é o autêntico sentido da festa. Independente do consumismo, tão marcante, o Natal mantém símbolos sagrados do dom, do mistério e da gratuidade.

Na origem, as comemorações festivas do ciclo natalino vêm da distante Idade Média, quando a Igreja Católica introduziu o Natal em substituição a uma festa mais antiga do Império Romano, a festa do deus Mitra, que anunciava a volta do Sol em pleno inverno do Hemisfério Norte. A adoração a Mitra, divindade persa que se aliou ao sol para obter calor e luz em benefício das plantas, foi introduzida em Roma no último século antes de Cristo, tornando-se uma das religiões mais populares do Império.

A data conhecida pelos primeiros cristãos foi fixada pelo Papa Júlio 1º para o nascimento de Jesus Cristo como uma forma de atrair o interesse da população. Pouco a pouco o sentido cristão modelou e reinterpretou o Natal na forma e intenção. Conta a Bíblia que um anjo anunciou para Maria que ela daria a luz a Jesus, o filho de Deus. Na véspera do nascimento, o casal viajou de Nazaré para Belém, chegando na noite de Natal. Como não encontraram lugar para dormir, eles tiveram de ficar no estábulo de uma estalagem. E ali mesmo, entre bois e cabras, Jesus nasceu, sendo enrolado com panos e deitado em uma manjedoura.

Pastores que estavam próximos com seus rebanhos foram avisados por um anjo e visitaram o bebê. Três reis magos que viajavam há dias seguindo a estrela guia igualmente encontraram o lugar e ofereceram presentes ao menino: ouro, mirra e incenso. No retorno, espalharam a notícia de que havia nascido o filho de Deus.



quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Receita de Bacalhau para a Noite de Consoada (Véspera de Natal)



Ingredientes:

Postas de bacalhau demolhado - 4

Pão de milho - 600 g

Batatas - 2 Kg

Couves galegas -2

Azeite e vinagre

Ovos cozidos - 4

Alhos

Confecção:

Cozinhe o bacalhau e à parte as batatas com as couves.

Guarde cerca de 1litro de água do bacalhau.

Coloque o pão fatiado no fundo do tacho de barro, espalhando por cima os alhos triturados.

Regue com a água quente do bacalhau, temperando com azeite.

Coloque o bacalhau por cima com couves e batatas.

Regue novamente com azeite, alhos e vinagre e decore o prato com pedaços dos ovos cozidos.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

"O Voo do Moscardo" (The flight of the bumble-bee)

"The Flight of the Bumble-Bee" (O Voo do Moscardo) é um interlúdio musical famoso, composto pelo conde e compositor russo Nicolai Rimsky-Korsakov para a sua ópera O Tzar Saltan, entre 1899 e 1900. Foi inicialmente escrito para um solo de violino.

Passado algum tempo, Korsakov reescreveu a peça para piano. Contudo, sendo tecnicamente tão difícil, o famoso pianista Vladimir von Pachmann (1848/1933), quando leu a partitura, achou-a "impossível de ser tocada".

Anos depois Serguei Prokofiev (1891/1953) aceitou o desafio e abriu a porta para que alguns colegas realizassem essa proeza...

A jovem pianista chinesa,YUJA WANG, considerada atualmente uma das cinco melhores do mundo, dá um show de virtuosismo.



domingo, 18 de dezembro de 2011

Receitas Boas Com Batata-Doce!!!


Batata-Doce com leite de coco



Ingredientes:
1 kg de batata-doce

4 xícaras (chá) de leite de coco

1 1/2 xícara (chá) de açúcar

1 colher (chá) de sal

1/2 xícara (chá) de coco ralado

Preparação:

1º Descasque as batatas e corte-as em cubos médios.
2º Coloque o leite de coco numa panela grande e leve ao fogo para ferver. Junte o açúcar e o sal. Misture bem.
3º Acrescente as batatas e cozinhe por 30 minutos. Elas não devem desmanchar. Retire do fogo e polvilhe o coco no momento de servir.


Batata-doce assada com gengibre e mel


Receita com Gengibre fresco, Cardamomo e Batata-Doce.
Pronto em 50 min

Ingredientes:

para 12 pessoas:

9 batatas-doces descascadas e cortadas em cubos

170 g de mel

3 colheres (sopa) de gengibre fresco ralado

2 colheres (sopa) de óleo de nozes

1 colher (chá) de cardamomo em pó

1/2 colher (chá) de pimenta-do-reino moída na hora

Preparação:

10 min
Cozedura: 40 min

1. Aquecer previamente o forno a 200ºC.

2. Juntar os ingredientes numa tigela grande. Transferir tudo para uma frigideira grande, de ferro fundido (ou doutro tipo, desde que possa ir ao forno). Assar em 20 minutos.

3. Virar a mistura de modo a expor os pedaços que se encontram no fundo da frigideira. Assar por mais 20 minutos, ou até as batatas-doces ficarem macias e caramelizadas.

Dica:

Se não tiver óleo de nozes, use óleo de canola, porém, o óleo de nozes contribui para o aroma e gosto especial desta receita.