sábado, 16 de maio de 2015

Buda...

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu. Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito. Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos. Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade. Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração. Mas depois de muita análise e observação, se você vê que algo concorda com a razão, e que conduz ao bem e beneficio de todos, aceite-o e viva-o." Buda
http://pensador.uol.com.br/

http://nortonsafe.search.ask.com/

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Pinguins Africanos com direito a suíte privativa...

in: 3.bp.blogspot.com
"Pinguins Africanos recebem no Aquário de Boston, EUA, suites privativas em forma de iglu para terem mais privacidade e condições mais atraentes para que se reproduzam. Estão em vias de extinção acelerada." (in Sábado, nº 573)
"Os simpáticos pinguins podem desaparecer da Terra  ainda durante este século, advertem biólogos norte-americanos. Doze das 18 espécies existentes já constam da IUCN-World Conservation Red List of Threatened Species, das espécies em extinção. 
Os mais recentes a entrarem para a lista vermelha foram os pinguins africanos.
O estudo sobre a extinção dessas espécies foi apresentado recentemente na 7ª Conferência Internacional sobre Pinguins, realizada em Boston, que reuniu biólogos, governantes, defensores do meio-ambiente, e profissionais de aquários  e jardins zoológicos de 22 países. 

CAUSAS DO DECLÍNIO 

Dez das 18 espécies de pinguins estão em declínio.
A pesca e a caça furtivas, os derrames de petróleo, as mudanças climáticas  e a redução das camadas de gelo  são as principais causas do fenómeno. 
Como explicam os biólogos norte-americanos, a maioria dos pinguins se alimenta de peixes pequenos como anchovas e sardinhas, espécies de águas frias. Como as mudanças climáticas e ações do El Niño alteraram a temperatura da água onde eles vivem, isso impede a chegada desses peixes.
Com a redução das camadas de gelo, os pinguins têm agora menos espaço para viver e procriar.
O derrame de petróleo, por sua vez, também tem contribuído para o declínio dos pinguins, em especial na costa argentina.
As 18 espécies de pinguins vivem no hemisfério sul, sendo uma nas ilhas Galápagos,quatro no Antártico, e as restantes na América do Sul, África, Austrália, Nova Zelândia e ilhas do Antártico. (in "http://expresso.sapo.pt/)

terça-feira, 12 de maio de 2015

Dois papagaios muito espertos...

O caso insólito passou-se em Middleton, Idaho (EUA), onde os bombeiros tiveram um trabalho "extra"...!!! Isto, porque os vizinhos solicitaram os seus serviços, devido a um incêndio numa casa donde se ouviam gritos de "Socorro" e "Fogo!"...

Aqueles acorreram prontamente, julgando tratar-se de uma senhora idosa e, ao chegarem ao local, tiveram de arrombar a porta para entrar...só que tiveram uma grande surpresa!  

É que em vez  da idosa, estavam dois papagaios a gritar por socorro, pedindo para os salvarem. E os bombeiros assim o fizeram!

Papagaios espertos!

hotel.jpg
imagem extraída de: pt.ask.com

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Rir um pouco com algumas sondagens...



1.bp.blogspot.com

Aviso à navegação
É para rir:

Eis as razões porque as sondagens não reflectem a tendência do eleitorado.


Um amigo meu realizou uma sondagem por conta própria e pôde concluir que o próximo presidente da República vai ser... a mãe dele.

Telefonou para 1.253 pessoas entre as duas e as quatro horas da madrugada e perguntou:
- Em quem vai votar para Presidente?
99,73% dos entrevistados respondeu:
- Na .... que te pariu!

(Eh! Eh! Eh! Eh! É só para descontrair um pouco...!!!)

domingo, 10 de maio de 2015

A propósito de Sondagens...

A propósito das eleições que tiveram lugar há poucos dias no Reino Unido, achei interessante partilhar a notícia que li no OBSERVADOR: "O British Polling Council, associação supervisora da publicação de sondagens no Reino Unido, decidiu abrir um inquérito para perceber porque é que as sondagens publicadas antes das eleições de quinta-feira passada ficaram tão longe dos resultados verificados. Até ao dia do escrutínio, todos os estudos de opinião davam um empate técnico entre os Conservadores e os Trabalhistas. O jornal inglês Guardian chegou mesmo a anunciar uma sondagem que dava ligeira vantagem dos Trabalhistas na própria quinta-feira, mas a vitória foi para os Conservadores – e logo por maioria absoluta. “As últimas sondagens antes da eleição claramente não foram tão precisas quanto gostaríamos”, lê-se num comunicado emitido na sexta-feira pelo British Polling Council, que tem como associadas as principais empresas e organizações que fazem estudos de opinião no Reino Unido. “O facto de todas as análises subestimarem a vantagem dos Conservadores sobre os Trabalhistas sugere que os métodos usados devem ser sujeitos a uma investigação cuidadosa e independente”, diz ainda. ...(...)..."
(in http://observador.pt/, 09.05
imagens0.publico.pt